Importante descoberta sobre protetor solar

0
156

shutterstock_156996335

A revista Science, importante publicação científica e uma das mais renomadas do mundo, divulgou ontem uma informação que pode mudar os rumos do protetor solar.
Isso por que, de acordo com a matéria, os efeitos da radiação do sol se prolongam por até três horas após a exposição aos raios UV – a descoberta vem sendo chamada de “o lado escuro do sol” e está ligada à forma a qual as pessoas hoje se previnem do câncer de pele, incluindo o mais agressivo deles, o melanoma.

A pesquisa também contou com a participação de cientistas brasileiros e mostrou que, embora o exagero na exposição ao sol já seja por si só um fator de alto risco, é preciso reforçar a proteção, pois o processo que pode levar ao câncer permanece de duas a três após depois do banho de sol – o que representa uma explosão de radicais livres e outras substâncias com efeito destruidor.

Agora, os cientistas estão testando substâncias capazes de interromper esse processo, que poderão ser usadas em novos protetores solares, mas, enquanto eles não chegam, é preciso lembrar – exposição solar, com a pele desprotegida, JAMAIS.

Fonte: http://bit.ly/protetorsolarscience

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here