Hidratação Facial

Água é vida!

0
4211

Quando nosso corpo está devidamente hidratado, tudo funciona bem. Mas quando se trata de pele, precisamos ir um pouco mais além do que tomar água: precisamos fazer o que chamamos de hidratação exógena, ou seja, hidratação de fora para dentro.
Sem água na pele, os resultados para os tratamentos estéticos mais abrasivos, ficam comprometidos. Não adianta fazer um peeling atrás do outro para melhorar a pele, pois se ela não estiver bem hidratada, ela pode responder com efeito rebote, descamação em excesso e sensibilidade exagerada. E isso vale para todos os tratamentos.

Uma boa profissional, sabe fazer uso de todas as ferramentas disponíveis, sempre respeitando os limites da pele. A avaliação cutânea, o toque e as perguntas na anamnese são fundamentais para podermos ver quais são as reais necessidades da pele.
Muitas vezes pecamos em querer partir logo para o tratamento de desejo para sanar aquele problema que incomoda a cliente, sem a pele estar preparada. A preparação do terreno vai definir qual será o resultado da construção. Não dá para construir em um terreno que não esteja plano. O mesmo acontece com nossa pele. Prepará-la é fundamental para termos as respostas mais eficazes, mantendo a integridade da pele e evitando problemas futuros.
Antes de começar um tratamento, é necessário avaliar quantas sessões para prepara a pele a cliente vai precisar. Tem peles que precisam de uma, tem peles que precisam de 10. Vai depender da pele e do estilo de vida. Após o tratamento ter sido concluído, eu recomendo uma sessão de hidratação no mínimo uma vez por mês. Mesmo que a pele esteja boa, pois a intenção não é ficar sempre recuperando a pele estragada e sim, mantê-la linda e saudável.

Você espera seu carro estragar para colocar água nele? Tem gente que cuida melhor do carro do que da pele. Cuidar da sua pele não é vaidade desmedida, é saúde e autoestima. Isso não tem preço.
Eu acho que nós da área da beleza e saúde pecamos um pouco ao sermos muito permissivas com a cliente. Nós às vezes deixamos de indicar que ela precisa voltar uma vez por mês. Parece que a esteticista tem medo de dizer que seu tratamento precisa de manutenção. Ora, como não precisaria? Não é pela qualidade do tratamento em si, e sim pela própria condição orgânica do corpo que exige cuidado constante. As mulheres têm consciência que precisam hidratar o cabelo uma vez por semana, mas quando se trata da pele, fazem uma limpeza de pele a cada 5 anos e olhe lá ou querem já recuperar 30 anos em apenas 1 sessão.
Nós precisamos orientar nossa cliente que os cuidados de recuperar são demorados, se não eles não serão efetivos. Temos que conscientizar da necessidade de hidratar a pele em cabine com frequência e do uso do home care. A pele renova a cada 28 dias, isso significa que se o cuidado não for constante, os ativos que colocamos hoje, daqui a 28 dias serão eliminados. Isso acontece com tudo o que ingerimos também. Nosso corpo está em constante renovação, por isso não existe nada que colocaremos nele que o faça ficar estático. Se a pele renovar e estiver desidratada e desnutrida, quando as novas células vierem, elas virão sem força e logo morrerão. O intuito do tratamento constante é dar longevidade às células.

Para hidratar a pele das minhas clientes, sempre gosto de fazer sequência de vapor de ozônio que ajuda amolecer a queratina, massagem com cremes ou séruns com ativos hidratantes e emolientes. Gosto muito de séruns com ácido hialurônico ou colágeno. Também pode ser feito compressa com tônicos com colágeno lipossomado que os resultados são ótimos. A massagem associada aos ativos é fundamental, pois a massagem faz melhorar a circulação sanguínea e o transporte de nutriente entre as células. Após a massagem pode deixar um repouso de 5 minutos e aí aplicar uma camada bem grossa de máscara hidratante.
Sequências assim pode ser feita no rosto, pescoço, colo e até nas mãos.
Hidratem muito a pele de suas clientes. Não tenham medo de indicar as sessões de hidratação. Nosso papel é de conscientizá-las para que daqui a 30 anos elas pensem: poxa, ainda bem que eu ouvi minha esteticista.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here