Ativo mantém a pele hidratada por mais tempo

0
121

Se pudéssemos eleger um só cosmético como o principal para a pele, sem dúvida alguma, seria o hidratante, certo? Mas, muitas vezes, ele acaba ficando na prateleira. Para solucionar este problema, um novo conceito acaba de chegar diretamente da França: com o uso contínuo de um hidratante manipulado com Revidrate a 3%, por exemplo, você pode até ficar 168 horas (sete dias) sem utilizar o hidratante (mas depois de tê-lo usado durante dois meses) que, mesmo assim, manterá bons níveis de reservatório de água, que vão garantir a beleza da pele – ideal para as esquecidinhas de plantão.

Sabe-se que a pele é composta por 70% de água. Deste modo, quando a quantidade hídrica diminui, o resultado pode ser desastroso: ela perde elasticidade, fica com aspecto ressecado, esbranquiçada, causa desconforto, sensação de repuxamento, coceira, vermelhidão e fissuras. A falta de água compromete a eficácia da barreira cutânea (responsável por proteger a pele das agressões do meio ambiente, como vento, sol, ar seco e sal do mar). A barreira é formada por proteínas e, sobretudo, lipídios, também chamados de gorduras compostas por hidrogênio, oxigênio, carbono, fósforo etc. Os lipídios ajudam a restaurar a função da barreira e a restabelecer as membranas celulares. Por isso, não podem faltar lipídios na pele.
No caso do Revidrate, ele realiza uma hidratação profunda na cútis devido a um tipo de lipídio nobre e raro, considerado a bola da vez na cosmetologia europeia: a esfingosina, eleita por especialistas a versão mais potente do que outras opções conhecidas no mercado que também possuem ação de armazena água.

No Brasil, o Revidrate é representado pela PharmaSpecial, uma das principais empresas do Brasil na distribuição de insumos químicos, cosméticos e farmacêuticos fracionados.

Fonte foto destaque: http://bit.ly/1hCzf1I

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here