Sete dicas para tornar seu espaço de estética sustentável

0
912

Olá! Recentemente li uma notícia numa rede social que fez a minha parte Bióloga vibrar: a atriz Emma Watson (aquela que interpretava o papel de Hermione Granger nos filmes da série Harry Potter) foi a um importante evento de gala em Nova York usando um vestido feito com tecido de garrafas PET. Tal notícia reacendeu em mim uma vontade de encorajar outros profissionais a realizarem escolhas sustentáveis dentro de seus espaços de estética, assim como venho fazendo há alguns anos. Mas será que isso é mesmo possível? Será que é muito caro ter um espaço sustentável? Será que faz alguma diferença adotar atitudes sustentáveis dentro dos nossos locais de trabalho?
Respondo estes questionamentos com uma afirmação do grande teólogo e escritor brasileiro Leonardo Boff: “ou mudamos ou morremos”! Fico ainda com ele para definir SUSTENTABILIDADE: “é toda ação destinada a manter as condições energéticas, informacionais, físico-químicas que sustentam todos os seres, especialmente a Terra viva, a comunidade de vida e a vida humana, visando à sua continuidade e ainda a atender as necessidades da geração presente e das futuras de tal forma que o capital natural seja mantido e enriquecido em sua capacidade de regeneração, reprodução e coevolução”.
Não podemos mais usar desculpas furadas e fingir que não vemos a escassez de água. Não dá mais para decidir fechar os olhos para o esgotamento de recursos minerais e para a fome. Não dá mais para ficar somente no discurso, como se estivéssemos todos participando de um concurso de “miss” e dizer que desejamos a paz mundial apenas para impressionar. O nosso planeta está doente e cabe a mim, a você que está lendo este texto agora e a cada cidadão do mundo fazer a sua parte!
Se você leu até aqui e não está me achando uma “eco-chata” eu fico muito feliz (rsrs)! E como uma forma de agradecimento deixarei aqui alguns passos para que você possa tornar o seu espaço de estética, seja ele pequeno ou grande, numa metrópole ou interior, um local AMIGO DO PLANETA! Logicamente não inventei nenhuma destas soluções, aliás, ao final deste artigo eu deixo algumas dicas de leitura e materiais interessantes para aprofundar a temática!

Dica 1: Troque as lâmpadas comuns pelas de LED. Elas são mais caras, porém poluem menos o ambiente e você vai economizar bastante na conta de luz!
Dica 2: Faça a separação do seu lixo para que ele seja reciclado! Se na sua cidade não existe ainda a coleta seletiva, procure cooperativas de reciclagem. Muitas delas ainda pagam pelo seu lixo!
Dica 3: Troque os copos descartáveis comuns pelos descartáveis feitos com amido de milho. Este material sofre uma degradação rápida e menos danosa para o meio ambiente do que o plástico. Sem contar que o plástico é subproduto do petróleo. Ou simplesmente use copos e xícaras de vidro/porcelana. Para lavá-los use os sabões biodegradáveis!
Dica 4: Utilize no banheiro luzes e torneiras com sensor de tempo e presença. Muitas vezes o cliente esquece a luz acesa e isso gera custos desnecessários para o seu bolso e para o planeta!
Dica 5: Espalhe no seu espaço adesivos motivacionais contra o desperdício de água, papel e energia elétrica.
Dica 6: Troque o seu vaso sanitário antigo por um modelo que economize água.
Dica 7: Aproveite a luz natural! Ainda não cobram taxa pela luz solar…

Viu? Dicas super simples e que podem fazer uma diferença enorme para as gerações futuras! Agora, se você está pensando em construir ou montar um novo espaço a minha dica é: procure um bom arquiteto. Hoje já existem diretrizes que ajudam a construir prédios sustentáveis. Especialistas afirmam que o custo para construção dos chamados “Green Buildings” aumenta em no máximo 10% o custo da obra, em contrapartida geram economia durante toda vida útil do prédio.
Pensou que as dicas tinham acabado? Aprendi que devemos entregar sempre mais do que prometemos, então deixo aqui uma última dica: que tal incentivar seus clientes a utilizarem meios de transportes não poluentes? Escolha um dia na semana e dê brindes ou descontos para quem chegar até seu espaço a pé ou de bike! Ótima oportunidade para promover a prática de atividade física, potencializar seus tratamentos estéticos e ainda ajudar a salvar nosso planeta!
Você tem alguma experiência sobre sustentabilidade para compartilhar? Deixe seu comentário abaixo e não hesite em me escrever: contato@lauracarmona.com.br.

Para saber mais:
– Documentário “Uma Verdade Inconveniente”: http://bit.ly/1Wdnz79
– Green Building Council Brasil: http://www.gbcbrasil.org.br/
– ONU Brasil: https://nacoesunidas.org/acao/meio-ambiente/
– Site Leonardo Boff: http://www.leonardoboff.com/

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here