Acne e alimentação

0
462

Você sabia que além da questão hormonal, outros fatores estão envolvidos no aparecimento da acne? Por ser uma doença multifatorial, são vários os possíveis causadores da acne: hereditariedade, estado emocional, ocupação, hábitos de vida, uso de cosméticos e, é claro, a alimentação. E não pense que só o chocolate é vilão nessa história. Muitos alimentos que consumimos no nosso dia a dia são responsáveis pelo aparecimento da acne.
A acne surge como consequência da produção excessiva de sebo pelo folículo pilossebáceo, onde existem receptores para hormônios andrógenos, como a testosterona, o principal hormônio envolvido com a hipersecreção sebácea.
É por esta razão que na fase da puberdade, quando os níveis hormonais estão se ajustando, é muito comum o aparecimento das odiadas espinhas.
Em fases de alterações hormonais, tanto na adolescência quanto na fase adulta, precisamos de ainda mais atenção na alimentação. Ao ingerirmos alimentos com elevada carga glicêmica, provocamos um pico de liberação de insulina no sangue, o que pode aumentar a liberação de outros hormônios andrógenos e, consequentemente, a liberação do sebo somado ao aumento da queratinização da pele. Além disso, alimentos derivados do leite também podem causar acne por serem de origem animal e conter hormônios que podem se ligar aos nossos receptores e aumentar a secreção sebácea.
Pensando assim, o chocolate não pode ser considerado o único vilão de uma pele bonita e livre da acne!
Por outro lado, existem alimentos que podem ser aliados no combate à acne. Eles agem inibindo a enzima que converte a testosterona na sua forma ativa e controlando inflamação e a proliferação bacteriana. Dentre esses alimentos do bem, aposte em alimentos frescos, frutas, vegetais, carnes magras, frango e frutos do mar grelhados. Uma suplementação mais específica pode ser feita com vitamina A, encontrada em vegetais verde-escuros como espinafre e brócolis. Ela auxilia na renovação celular e na diminuição da secreção sebácea; chá verde, rico em flavonoides que tem atividade anti-inflamatória; isoflavona de soja, ômega 3, ácido pantotênico, sulfato de zinco e ácido γ-linoleico, que podem reduzir as lesões da acne. Para saber qual dose ingerir e como realizar essa suplementação da forma correta, procure orientação com seu nutricionista.

Para evitar a acne:

– Evite Alimentos Ricos Em Gordura
– Evite Alimentos Ricos Em Gorduras Ruins
– Modere O Consumo De Leite E Derivados
– Prefira Frutas E Verduras In Natura
– Prefira Carnes Magras
– Opte Por Peixes Ricos Em Ômega 3
– Inclua Fibras Na Sua Dieta (Farelo De Aveia, Aveia Em Flocos, Farinha De Linhaça, Chia)
– Inclua chás na sua dieta (como por exemplo: chá verde)
– Aumente a ingestão de água
– Prefira sucos naturais e sem adição de açúcar

A pele é o reflexo da alimentação e estilo de vida. Por isso, para ter uma pele bonita e saudável, nada melhor do que manter hábitos saudáveis e fazer consultas regulares com um nutricionista para saber como vai a sua saúde!

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here